BRINCANDEIRAS COM VERDADES : SORRIR AINDA É O MELHOR REMÉDIO


PUXA -SACO DO ANO


Aquele funcionário muito puxa-saco diz para o chefe:

- Só adoro duas pessoas no mundo... e a primeira é o senhor!

- Muito obrigado! Mas quem é a segunda?

- Quem o senhor indicar, claro!



----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
FRAQUINHA DO QUENGO



Duas amigas estão assistindo ao telejornal quando aparece na TV um homem no telhado de um prédio ameaçando se jogar.
Amiga 1: - Aposto 50 reais que ele vai pular.
Amiga 2: - Certo. Eu aposto 50 reais que ele não vai pular.
Amiga 1: - Apostado!
Dali a uns minutos, o homem solenemente se espatifa na calçada.
Amiga 2: - Ok, você ganhou. Tome os seus 50 reais.
Amiga 1: - Ah, deixa pra lá. Eu não posso aceitar o seu dinheiro. É que eu tinha visto essa matéria hoje de manhã e já sabia que ele ia pular. Desculpe-me.
Amiga 2: Tá bom, tá bom, confesso! Eu também fui desonesta com você. Eu tinha visto o jornal hoje de manhã.
Amiga 1: Mas então por que você apostou?
Amiga 2: Bom, eu não imaginei que ele seria tão estúpido de pular de novo!...


---------------------------------------------------------------------------------------------

SLOGAN DE GENTE SEM NOÇÃO

Na época da eleição, a prefeita de um pequena cidade resolve se reeleger. como o apelido dela é Nem, ela pôs uma faixa com a seguinte frase:
"Nem fez, Nem faz e Nem fará".


-------------------------------------------------------------------------------------------------------------




Postar no Google Plus

About Edilene Amaral

Edilene Ziza do Amaral,carioca doada para o estado da paraíba,filha de Dona Maria Ziza e Sr. José Amaral, mãe dos príncipes Sergio e Levi.Servidora pública do municipio de Sertãozinho-PB,Técnica de Enfermagem da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares, leitora sempre curiosa, automaticamente uma escritora viciada.Sindicalista, filiada ao PMDB, eleitora enjoada e exigente, sem preferência e sem doença por candidatos malas. Não comprada por corruptos Quando escrevo poesias costumo assinar como como Domitila Belém.

0 comentários:

Postar um comentário

Faça o seu comentário.