DE LONGE TAMBÉM SE AMA QUEM NÃO SE PODE AMAR DE PERTO

 Ah...Meu Deus!
 Já já o ano vai romper...
...
Eu estarei sem o abraço dele

Por que
Ele está longe.
Mesmo assim  recordo sua voz
Pois, pela força da saudade,
Todo ele
Está no  meu coração

Desejou-me Feliz 2012
Mas está tão longe...
É tão nobre



Quando está entre os nobres
E tão simples
Quando me chama de
Querida...

Fala sobre sonhos
Com tanta boa vontade no coração
Tanto ânimo de lutar...
É tão maravilhoso quando fala
E tão carinhoso quando afaga.
Não falei nada
Não respondi nada
É melhor fingir
Que não estou
Muito aí
Melhor botar
Essa cara de
"Só amigos"
Por que pode ser
Que apenas eu o veja
Como ele mesmo
Não se vê...

Calada, com o coração dizendo:
...
Feliz Ano Novo prá você também..."Adolphin"
Receba o meu abraço telepático

Postar no Google Plus

About Edilene Amaral

Edilene Ziza do Amaral,carioca doada para o estado da paraíba,filha de Dona Maria Ziza e Sr. José Amaral, mãe dos príncipes Sergio e Levi.Servidora pública do municipio de Sertãozinho-PB,Técnica de Enfermagem da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares, leitora sempre curiosa, automaticamente uma escritora viciada.Sindicalista, filiada ao PMDB, eleitora enjoada e exigente, sem preferência e sem doença por candidatos malas. Não comprada por corruptos Quando escrevo poesias costumo assinar como como Domitila Belém.

0 comentários:

Postar um comentário

Faça o seu comentário.