QUEM OLHA SEM INVEJA E SEM INSEGURANÇA DÁ DESTAQUE A QUEM TEM TALENTO,TRABALHO E HONRA

Amorecos da minha vida
Amorecos do meu viver
Ficarei um dia triste
Se para vocês
No Olho eu não escrever...


Era para ser um  fim de tarde comum, mas não foi..
Sol a oeste, o amarelo sangrando pinceladas laranja sobre as nuvens ,  e eu viajando de Sertãozinho para Belém, olhava as serras , mergulhando lambidas de olhares, ora sobre os ipês amarelos que são magnifícos em suas poucas aparições e que a esta época do ano  destacam-se do verde soberano, ora jogando retinas nada fatigadas  para aqueles desenhos que o pôr do sol fazia no céu . A sensação de paz invadiu-me de tal forma que agradeci a Deus por estar no mundo, por poder ver coisas tão lindas, por estar com saúde , por ter um trabalho e estar voltando dele , por estar vindo ao encontro da minha família...E tive aqueles pensamentos de criança: Onde é que Deus fica guardando a cor amarela dos ipês durante o resto do ano,heim? Deus tem tantos segredos sobre pinturas...Eu acho que ele tem um armazém de tintas no céu !
De quando em quando,conforme o carro mastigava a estrada,  os ipês sumiam dos meus olhos e os meus pensamentos de criança desapareciam , substituídos por   flashbacks dos contextos que traziam-me de volta ao bojo da realidade. No relampejar dos flashbacks lembrei que de um lado e do outro dessas serras estão os dois povos que eu mais conheço: belenenses e sertãozinhenses. E para que eu lembrei disso?! Fui machucada pelas comparações que sempre doem também em algum dos envolvidos que amamos.
Pensei envergonhada por Belém: Sertãozinho , por sua população menor, é como os ipês amarelos.Um município tão jovem em sua emancipação política , mas com um legislativo tão atuante que atualmente já tem como emigrar nomes para a Assembléia Legislativa.
Agora perguntem em Belém os nomes de todos os vereadores do município...Duvido que 20% da população belenense sabe responder. E sabem por que isso, amados e amadas? Dinheiro comprando cadeiras na câmara, falsa atuação parlamentar, oposição inexistente, analfabetismo de alguns, jovens talentos que não chegam à câmara municipal de Belém, fogo amigo sobre os mais atuantes,a mídia que não traça o perfil  dos mandatos dos respectivos parlamentares, nepotismo, pragmatismo consolidado pela lei da mordaça do interesse pessoal,  modelo "desativado" do voto de cabestro ( favor X votos) e sobretudo a carência de líderes que desempenhem uma educação política no município de Belém.
Ah! Meu Deus...Ah! Se Belém tomasse umas aulas com Sertãozinho...Eu estaria aqui só escrevendo sobre as coisas que nos deixam com a alma leve,  falando sobre ipês amarelos e pôr do sol...Mas quer saber? Cada um que melhore o seu modo parlamentar, por que de tudo eu gosto de escrever um pouco.
Aos sertãozinhenses os meus parabéns, e que cada um em Sertãozinho seja  tão atuante o quanto deve...Tomara que todos eles, tanto do sexo masculino quanto do feminino , dentro da vida política ou apenas da vida cidadã , toquem em seus corações esta musiquinha que há muito deixou de ser  apenas um hino partidário,  tornando-se  um sucesso paraibano que serve de exemplo e de mensagem otimista para todos nós: Esse(a) menino(a) vai longe, o seu destino foi Deus quem traçou...
Cresçam cada vez mais, sertãozinhenses. Cheguem aos lugares onde Sertãozinho precisa ter filhos. Cresçam em seus sonhos, seus projetos, seus nomes e seus valores...Destaquem-se como os ipês! Sejam capacitados e façam-se  a esperança de um povo que ainda é sofredor.
Aqui em Belém? Só no dia que o Banco Central decretar greve durante todo período eleitoral é que veremos os filhos da mais expressiva  humildade chegando aos cargos eletivos. Fora isso, vamos vendo  figuras incompetentes e  irresponsáveis, omissas e medrosas, interesseiras e equivocadas   soltando dinheiro no eleitorado ,chegando ou se mantendo no poder e formando o grupo da maioria...
Ressalvando a excessão do tempo atual, deixem-me dizer uns bons  dias a alguém de Belém. Alguém que trabalha, se destaca, atua , é inteligenmte, educada, esforçada , mas é mulher e tal qual outras mulheres enfiadas no meio do machismo incontinenti e inseguro,  recebe boicote da imagem , fogo amigo e as pedras dos senhores invejosos.
-Bons e melhores dias, professora Betânia!
Postar no Google Plus

About Edilene Amaral

Edilene Ziza do Amaral,carioca doada para o estado da paraíba,filha de Dona Maria Ziza e Sr. José Amaral, mãe dos príncipes Sergio e Levi.Servidora pública do municipio de Sertãozinho-PB,Técnica de Enfermagem da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares, leitora sempre curiosa, automaticamente uma escritora viciada.Sindicalista, filiada ao PMDB, eleitora enjoada e exigente, sem preferência e sem doença por candidatos malas. Não comprada por corruptos Quando escrevo poesias costumo assinar como como Domitila Belém.

1 comentários:

  1. Boa tarde, Edilene! Agradeço a visita e o comentário que deixastes no meu Blog. E aproveito para agradecer em nome dos sertãozinhenses as boas referências feitas por você. Penso que nós devemos viver sempre buscando a perfeição, embora ela seja inalcançável, mesmo assim é uma forma de sermos, ao longo da vida seres menos imperfeitos.
    Grande abraço!
    Aparecida Ramos

    ResponderExcluir

Faça o seu comentário.