CANTANDO FELIZ , VIVENDO COM PRAZER



Hoje perguntei a uma certa pessoa que veio ao meu encontro cantando:
-Hummm ..Você está feliz?
Resposta:
-Estou sempre feliz.
A maneira bonita como somos recebidos nos toca profundamente, acaricia a nossa alma . Saber tratar pessoas é um talento divino, pois somente pessoas que sofrem de opressão, depressão, degradação,problemas com o ego e existenciais, são tão infelizes que  criam uma barreira antipática gerada por mazelas que consomem aqueles que não sabem se libertar de tais fraquezas.
É importante pensarmos de dentro para dentro de nós mesmos. De onde vem a antipatia que algumas pessoas sentem por outras que nenhum mal praticou contra elas ? Qual seria a causa? Seria inveja, insegurança, incapacidade ou maldade ?
O mal que alguém não fez a outrem pode estar sendo construído "disfarçadamente" por espíritos das trevas, porém não abaterá a pessoa que em nada contribui para ser objeto do ódio de um fraco cristão...
Este  tipo de mal consumirá aquele que o adota para a sua vida e para o seu coração, pois, somente vigiando e orando é que nos libertamos desses tipos de  mesquinharias.
Eu percebo muito bem quando incomodo certas pessoas, por que se tem um dom muito bem acionado em mim é o da percepção. Estando de bem com Deus e com a minha consciência, praticando a minha existência com direito a ser matéria e, ocupando o espaço que Deus reservou para mim,  tenho feito muito mais por meu  espírito que por minha carne, e feito uma  evolução talvez  morosa, porém,  incansável. Resumindo: Sinto muito informar aos incomodados que enfrento as sua antipatias , por que muitas vezes , no mesmo ambiente em que tais doentes da alma se encontram, também estão os que têm a alma saudável, o coração limpo , pessoas que  fazem com  que eu ame  a  vida a dois, a dez, a mil, a milhão.
A você que sabe receber pessoas: Obrigada por receber amigos cantando. Faz parte do seu show ser uma alma limpa: Você quer ter um milhão de amigos e bem mais forte poder cantar.

A frase da imagem é do meu livro preferido O Pequeno Principe, do escritor francês Saint Exupéry  .  Le Petit Prince é o  seu titulo original,   em francês.
Postar no Google Plus

About Edilene Amaral

Edilene Ziza do Amaral,carioca doada para o estado da paraíba,filha de Dona Maria Ziza e Sr. José Amaral, mãe dos príncipes Sergio e Levi.Servidora pública do municipio de Sertãozinho-PB,Técnica de Enfermagem da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares, leitora sempre curiosa, automaticamente uma escritora viciada.Sindicalista, filiada ao PMDB, eleitora enjoada e exigente, sem preferência e sem doença por candidatos malas. Não comprada por corruptos Quando escrevo poesias costumo assinar como como Domitila Belém.

0 comentários:

Postar um comentário

Faça o seu comentário.