EMPREGUISMO NA PREFEITURA DE SERTÃOZINHO ABRAÇA ATÉ GENTE DE OUTROS MUNICÍPIOS


Ah, Gente...Peraí, para pagar os direitos dos servidores não existe grana em caixa , mas para contratar gente que provavelmente venha a cooperar com uns votinhos a prefeitura tem grana?  É muita dissimulação!
   Começou o novo inchaço eleitoreiro. A prefeitura de Sertãozinho agora tem vagas para sertãozinhenses que nunca foram vistos antes ( até aqui ainda dá para aguentar, por que são pessoas do município), mas o pior não é isto, agora tem emprego até para gente de Araçagi?!
Pois é...Precisamos de uma oposição alertando ao ministério público sobre estas coisas. Não dá para barrar o empreguismo? Mas dá para PELO MENOS  levar ao conhecimnento da justiça eleitoral  uma listinha de novos titulos suspeitos que tentarão entrar no município, né? Observando o que a lei determina para  o cidadão ter nova opção para domicilio eleitoral. Olho no lance, Vando! Você tem que encincar (verbo criado pelo neologismo  55 do PSD) os pés no MP, depois de conferir se a denúncia que prestaram aqui para o Olho de Mulher procede, é claro!
Sertãozinhense desempregado, vá à  prefeitura saber por que a sua vaga nunca apareceu ou por que lhe tiraram do emprego e nunca mais lhe deram uma nova chance, pois, segundo o meu informante, por lá agora está no ritmo daquela musiquinha da GRANDE FAMÍLIA: CATUCA  PAI, MÃE , FILHA eu também sou da FAMÍLIA também quero CATUCAR...
Lembrando aos  eleitores de outros municípios  que titulo transferido, se provada a ilegalidade do domicílio eleitoral e a fraude de documentação, também é assunto da Policia Federal e este pau não tora só no lombo dos candidatos ou da administração, mas do eleitor também!
Postar no Google Plus

About Edilene Amaral

Edilene Ziza do Amaral,carioca doada para o estado da paraíba,filha de Dona Maria Ziza e Sr. José Amaral, mãe dos príncipes Sergio e Levi.Servidora pública do municipio de Sertãozinho-PB,Técnica de Enfermagem da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares, leitora sempre curiosa, automaticamente uma escritora viciada.Sindicalista, filiada ao PMDB, eleitora enjoada e exigente, sem preferência e sem doença por candidatos malas. Não comprada por corruptos Quando escrevo poesias costumo assinar como como Domitila Belém.

0 comentários:

Postar um comentário

Faça o seu comentário.