RICARDO COUTINHO É VAIADO PELA QUARTA VEZ


O governador Ricardo Coutinho foi vaiado publicamente mais uma vez na tarde deste domingo, antes do início do clássico Botafogo x Auto Esporte. O presidente do Botafogo, Nelson Lyra, levou governador no início do jogo e logo na saído do túnel, Ricardo Coutinho que estava acompanhado de Estelizabel, foi duramente vaiado pelos botafoguenses. Visivelmente constrangido, o governador teve que pagar mais esse mico em público, que já está virando rotina, já que sua popularidades é uma das menores desde que assumiu o Estado.
No último programa de 2011, o governador Ricardo Coutinho (PSB) foi o grande vencedor do 'Cara de Pau' de ano. O anúncio foi feito pelo jornalista Wellington Farias durante o programa Correio da Manhã do dia 30 de dezembro. De acordo Farias, a escolha do 'cara de pau' do ano aconteceu pela internet. "Os internautas foram quase unânimes em sugerir Ricardo Coutinho como ganhador do óleo de peroba. fazer o que, né?!!", informou na época o jornalista, via twitter.
Essa já é a quarta vez que Ricardo é vaiado desde que assumiu o mandato em primeiro de janeiro de 2010. Somente em 2012 já foram registradas duas manifestações. Uma, no Bairro São José o governador chegou a bater boca coma população que questionava sobre as obras naquela comunidade para instalação de um projeto de reurbanização da prefeitura de João Pessoa. “Faz dois anos que deixei de ser prefeito de João Pessoa. Não sei de nada deste projeto” respondeu Ricardo. A população não gostou e protestou através de uma sonora vaia.
Também em 2012, Ricardo resolveu não comparecer na reabertura dos trabalhos da Assembleia Legislativa da Paraíba, e recebeu outra calorosa vaia na Al. Outra manifestação negativa, sonora e pública que o governador teria sido vaiado, aconteceu em novembro de 2010 durante a procissão de Nossa Senhora da Penha.
A primeira vaia aconteceu em agosto durante espetáculo do Circo Tihany, o "maior circo da América Latina".


Do Click PB


Postar no Google Plus

About Edilene Amaral

Edilene Ziza do Amaral,carioca doada para o estado da paraíba,filha de Dona Maria Ziza e Sr. José Amaral, mãe dos príncipes Sergio e Levi.Servidora pública do municipio de Sertãozinho-PB,Técnica de Enfermagem da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares, leitora sempre curiosa, automaticamente uma escritora viciada.Sindicalista, filiada ao PMDB, eleitora enjoada e exigente, sem preferência e sem doença por candidatos malas. Não comprada por corruptos Quando escrevo poesias costumo assinar como como Domitila Belém.

0 comentários:

Postar um comentário

Faça o seu comentário.