MULHER QUE QUER MARIDO ME FEZ SENTIR SAUDADE DO PAULO



Hoje dei de cara com algo que me fez lembrar dos tempos em que eu ouvia o programa de Paulo Lopes, pela rádio Tupi, do Rio de Janeiro. Campeão de audiência , amigo da mulherada, principalmente das donas de casa, Paulo falava sobre tudo: relacionamentos, novelas, dúvidas, simpatias, astrologia, lia cartas, e dava a sua opinião, conselhos super antenados, pedindo também ao público que telefonasse para interagir com as amigas que escreviam( elas sempre usavam as iniciais) dando  conselhos ou apenas salientando opiniões.. Ele  batia o maior lero com as ouvintes. Pois é, foi olhando os sites para me interar das novas, porque estou fora da órbita virtual desde domingo que dei de cara com uma postagem muito interessante no Portal Mídia que levou-me à saudade do Paulo. Uma postagem a respeito de uma mulher que pediu ajuda ao radialista Edcarlos Monteiro , para encontrar um marido..Gostei da franqueza dela, disse que não se importava com a aparência, mas que o homem deveria ser trabalhador, deixando ainda mais claro que precisa de alguém que a ajude.
Então? Os interessados devem acessar o portal mídia, dar uma olhadinha na foto, ler um pouco sobre a mulher e entrar em contato com a rádio cultura. Eu creio que Edcarlos sabe onde a mulher está...pras bandas de Alagoinha, mas e o endereço para postar uma cartinha? Ah! ten que ter , galera! Será que é para o cara telefonar para a rádio e deixar um anúncio que está a fim? Ufaaaa! Vai ter que ser cara de coragem, heim!
As rádios paraibanas deveriam investir mais neste tipo de programação, fica mais caseiro ter amigos no rádio. Amigos que se importam mais com as  nossas vidas, com o que está fazendo todos os dias a galera do senso comum. Ah! É muito melhor uma programação assim que algumas que levam minutos da nossa beleza, essas que são cheias de balacobacos dos políticos que moram lá na casa de caramba, outros que moram perto, mas não estão nem aí para a vida da gente como ela é. Menino, todo dia é a picuinha dos infernos: Política pela manhã, polítca à tarde, política à noite.Zé maranhão não sei o que, Cicero Lucena arrotou, Ricardo Coutinho mais mais mais, Cássio falou isso, prefeitinho de beira de caminho não fez aquilo, deputado tal se sente o ó do borogodó, filho de governador que quer a liberação da maconha... Putz! Isto era para ter um horário único, igualzinho a Hora do Brasil. Afinal de contas essa raça de gente não paga a nossa conta de energia, e a gente que escuta o rádio!
Querem a minha sinceridade? Mulher que gosta de política , assim tipo eu e outras poucas amigas, enjoa de ouvir esse tipo de coisa direto, imaginem mulheres que gostam de esmalte, batom, perfume , culinária, moda, música, cartas, novelas, filmes, livros, dicas do lar e claro ROMANCE( com homem que tem até o direito de ser feio, mas a obrigação de ser carinhoso claro)...Com a picuinha de programações sobre politicagem mórbida , um modelo cada vez mais atrelado às riquezas ilicitas  dos políticos sujos e à miserabilidade do povo que é roubado, nós que usamos saia pulamos do rádio e partimos  para TV ligeirinho demais...Porém, não se preocupem: Ai daqueles que se sujam, limpam a boca e dizem que são limpinhos, por que quando muitas de nós furarmos os palanques com nossos saltos, vai ter bagaço de desabafo pra cuequento algum ficar sem saber como se coloca o rabinho entre as pernas!

Postar no Google Plus

About Edilene Amaral

Edilene Ziza do Amaral,carioca doada para o estado da paraíba,filha de Dona Maria Ziza e Sr. José Amaral, mãe dos príncipes Sergio e Levi.Servidora pública do municipio de Sertãozinho-PB,Técnica de Enfermagem da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares, leitora sempre curiosa, automaticamente uma escritora viciada.Sindicalista, filiada ao PMDB, eleitora enjoada e exigente, sem preferência e sem doença por candidatos malas. Não comprada por corruptos Quando escrevo poesias costumo assinar como como Domitila Belém.

0 comentários:

Postar um comentário

Faça o seu comentário.