Desespero do PMDB Sertãozinhense por aliados é tamanho família : Vale a pena correr atrás até de quem já tem o não na ponta da língua

Uiaaaaaaaaaaa! Sapeca, Nenem!!!

Sapeco, sim, meus amores do Bloguinho.
Vocês sabem que o veinho vai muito bem no gosto popular,  Patricio vai segurando a onda de ser candidato e as coisas não andam nada lindas para situação...
No desespero desesperantino desesperador da situação desarranjada, o marido de Dona Márcia Mousinho também entrou em campo para procurar aliados. Esta semana o rapaz teve a humildade de pedir a Espedito, ex-presidente do PSB, para que aderisse ao projeto de Márcia.
Verdadeiramente parabenizo o gesto do marido da pré-candidata, pois, comunica-se com as pessoas com educação, muito embora seja para patrocinar a manutenção do padrão de vida do casal...
Apenas não fica legal correr atrás de pessoas que não abrem mão das suas opiniões e posturas políticas. Espedito é um dos mais fiéis e empenhados articulistas do projeto Geraldo. Um guerreiro do time de Vando não muda de camisa da noite para o dia, gente....
Mas, valeu a intenção. O convite não foi motivo de chacota. Muito pelo contrário, foi analisado  como um gesto humilde, um laudo de desespero !
Postar no Google Plus

About Edilene Amaral

Edilene Ziza do Amaral,carioca doada para o estado da paraíba,filha de Dona Maria Ziza e Sr. José Amaral, mãe dos príncipes Sergio e Levi.Servidora pública do municipio de Sertãozinho-PB,Técnica de Enfermagem da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares, leitora sempre curiosa, automaticamente uma escritora viciada.Sindicalista, filiada ao PMDB, eleitora enjoada e exigente, sem preferência e sem doença por candidatos malas. Não comprada por corruptos Quando escrevo poesias costumo assinar como como Domitila Belém.

0 comentários:

Postar um comentário

Faça o seu comentário.