Derrotados e Vitoriosos arrocham o nó em Sertãozinho

Alô galera,. 


Segundo informações fresquinhas, o prefeito de Sertãozinho começou a mexer com os servidores que votaram nos candidatos das oposições. Alguma novidade? Qual foi o inocente que colocou a cara na campanha do azul ou do laranja que pensou que Antônio deixaria sua vidinha de servidor com  horários e locais bonzinhos do jeitinho que eram antes? Mas, meninooooooo, só basta ele sonhar que o cara votou contra a candidata dele que vai ter gente se ferrando, imagine ele tendo a certeza que o cara vestiu a camisa de algum adversário. Só sei que  tem gente sendo mandada para os sítios,  gente recebendo carga horária normal (40 horas) novamente , gente recebendo horário da madrugada..Resumindo? Se o horário de trabalho, no edital do concurso  é  de 40 horas, ele está só botando a lei pra fora. Se a portaria do cara não específica onde o cara deve trabalhar, ele só está delegando transferências e, nenhuma destas suas decisões serão vistas  como atos de ilegalidade..
Em resposta aos seus aliados tocados pela mão do poder executivo, já teve gente da oposição reagindo , representando a parte que muito lhe toca , aferindo que o tratamento de  desigualdade em relação aos horários de trabalho é somente para as pessoas que exercem postura de eleitoras que votam nos  adversárias do gestor. Eu morro e não digo quem já  está entrando com ação de reação bem antes de se empossar vereador. O pedido dele é para que todos exerçam suas funções sem privilégios de horários. Segundo ele, se um servidor que se mostrou adversário fará as 40 horas, todos os servidores, independente de suas opiniões politicas, estarão sob a decisão do MP para que  venham a cumprir o mesmo horário...
O cara já esteve na promotoria e irá  apresentar ao MP os nomes de todos os servidores que , segundo ele, são protegidos e muito melhor tratados por serem eleitores da situação. Assim sendo, eles estão ganhando além do privilégio da simpatia praticada pela  pessoalidade do poder excecutivo o privilégio de prestarem serviços em período de meio expediente.
Nesta terra onde  Chico faz filhos de um lado , Mané mostra que aprende a  criar os seus do lado de lá. É fera engolindo fera e cuspindo argolas de brasa, mas que só sobra para quem inventa de ser brasileiro decidido...Ah! Nem tenham dúvidas disso!

   Situação X Oposição = guerra antiga que só acaba em supositório para os pequenos seguidores.

Postar no Google Plus

About Edilene Amaral

Edilene Ziza do Amaral,carioca doada para o estado da paraíba,filha de Dona Maria Ziza e Sr. José Amaral, mãe dos príncipes Sergio e Levi.Servidora pública do municipio de Sertãozinho-PB,Técnica de Enfermagem da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares, leitora sempre curiosa, automaticamente uma escritora viciada.Sindicalista, filiada ao PMDB, eleitora enjoada e exigente, sem preferência e sem doença por candidatos malas. Não comprada por corruptos Quando escrevo poesias costumo assinar como como Domitila Belém.

0 comentários:

Postar um comentário

Faça o seu comentário.