RADIALISTA FOI ASSASSINADO DENTRO DA RÁDIO, EM ITABAIANA

O radialista Edmilson de Jesus, de 40 anos, conhecido como ‘Edmilson dos Cachinhos’, foi assassinado a tiros enquanto trabalhava nos estúdios da rádio Princesa da Serra, em Itabaiana (SE), distante 58 km de Aracaju, na noite de domingo (28).

De acordo com a polícia, o crime ocorreu por volta das 21h, no momento em que a vítima estava sozinha na emissora localizada na Avenida Manoel Antônio dos Santos. Por não haver sinais de arrombamento, os policiais acreditam que o suspeito seria conhecido da vítima.

Ainda segundo a polícia, há indícios de que houve uma discussão entre o radialista e o suspeito. Os dois teriam entrado em luta corporal e o homem efetuou três disparos contra Edmilson. A vítima ainda tentou correr, mas caiu na porta de acesso ao estúdio.


De acordo com a irmã do radialista, Eliana de Jesus, o filho dela ligou para o tio para pedir uma música por volta das 21h30, no entanto, um homem atendeu a ligação. "Meu filho ficou assustado, pois logo no primeiro toque o suspeito atendendeu e disse não ser Edmilson. Ele pediu então para falar com tio e o homem disse que ele estava morto e desligou", afirmou.

O jovem entrou em contato com Eliana e informou o que havia acontecido. "Imediatamente tentei falar com meu irmão, mas o celular dele já estava desligado. A família está em choque, pois não sabemos quem poderia ter feito isso, ou mesmo, o que teria motivado o crime. Meu irmão não tinha inimigos, não havia comentado nada referente à ameaças, dívidas e coisas desse tipo", disse.

Segundo a irmã de Edmilson, ele trabalhava há seis meses na rádio local, após atuar por 10 anos em emissoras da capital sergipana, a exemplo da Rádio Ilha FM, Rádio Capital do Agreste, FM Sergipe e Rádio do Povo. O radialista era solteiro, não tinha filhos e residia com a mãe em Itabaiana.G1

Postar no Google Plus

About Edilene Amaral

Edilene Ziza do Amaral,carioca doada para o estado da paraíba,filha de Dona Maria Ziza e Sr. José Amaral, mãe dos príncipes Sergio e Levi.Servidora pública do municipio de Sertãozinho-PB,Técnica de Enfermagem da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares, leitora sempre curiosa, automaticamente uma escritora viciada.Sindicalista, filiada ao PMDB, eleitora enjoada e exigente, sem preferência e sem doença por candidatos malas. Não comprada por corruptos Quando escrevo poesias costumo assinar como como Domitila Belém.

0 comentários:

Postar um comentário

Faça o seu comentário.