POR QUE O POVO DE HOJE É MENOS CORAJOSO?

Acho uma covardia tremenda a conduta passiva que a maioria dos brasileiros apresenta hoje, engolindo o sapo da corrupção sem reagir. Fazendo  gracinha com as urnas ou curtindo piadinhas e charges, a verdade é uma só:  a maioria dos brasileiros tem uma falsa revolta.
O brasileiro anda confundindo voto de protesto com voto de zorra total. Protestar é se colocar contrário a algo. Protestamos os vários erros, as atitudes negligentes, o descaso dos governantes. Protestar não é punir um governo corrupto com um governo incompetente e "engraçadinho", engomado pela mídia, recauchutado pela empresa de marketing.  Quem protesta deve oferecer soluções, novos métodos, boas condutas morais (vale a redundância) e ,principalmente, o respeito geral.
É muita covardia. É muita covardia a atuação passiva da sociedade. Covardia  para com todas as pessoas que lutaram por um Brasil independente. Quando falo de pessoas que lutaram por um Brasil independente, não trato apenas dos que viveram no tempo do homem de 1822. Falo daqueles que passaram pela camada de torturas com cacetetes, choques, prisões , mortes. Falo de pessoas que tiveram que sair do Brasil. E falo muito mais daqueles que passaram por tudo isto e nunca mudaram da moral para a roubalheira, como é o caso de alguns políticos que os brasileiros elegem. Falo de gente comum que passou por tudo isto. Pessoas que nos deram um patrimônio de liberdade. Pessoas que lutaram para que  hoje tivéssemos o direito de atuação política com livre arbítrio...Hoje o brasileiro não valoriza isto? Não faz uso disto? A democracia tem sangue de muita gente, magote de covardes!
  Relembrar o passado ruim é sofrer duas vezes? Nem sempre, blogolhentos. Nem sempre. Reviver a nossa História, para mim é renascer. Eu vou dar um pause ali em cima, nas músicas do Álvaro, para  ouvir o Collor falando o quanto sofreu com o poder do povo. Poder exatamente marcado às 10 h 18 m e 30s  , do dia 02 de outubro de 1992.Muitos falam que o povo tem força, mas  o Collor é quem realmente  pode afirmar isto.O único político brasileiro que foi arrancado do poder máximo e colocado no poder fiscalizador...É piada o saiu e o voltou? Não. É o Brasil dos moralizados, sempre desfeito por uma maioria de covardes!
Escute também a coragem de Gabriel o pensador. Na música to feliz matei o presidente, música censurada à época, ele chama Rosane Collor de puta e tudo mais! Você sabia que foi esta música que fez o Gabriel ser um artista famoso? Pois é...Além de talento , o cara precisa colocar a cara na luta!





Postar no Google Plus

About Edilene Amaral

Edilene Ziza do Amaral,carioca doada para o estado da paraíba,filha de Dona Maria Ziza e Sr. José Amaral, mãe dos príncipes Sergio e Levi.Servidora pública do municipio de Sertãozinho-PB,Técnica de Enfermagem da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares, leitora sempre curiosa, automaticamente uma escritora viciada.Sindicalista, filiada ao PMDB, eleitora enjoada e exigente, sem preferência e sem doença por candidatos malas. Não comprada por corruptos Quando escrevo poesias costumo assinar como como Domitila Belém.

0 comentários:

Postar um comentário

Faça o seu comentário.