SÃO PAULO EM NOITE DE TERROR TEM SALDO DE SEIS MORTOS

Seis pessoas foram mortas a tiros, três delas em uma chacina, na zona norte de São Paulo, entre a noite de ontem (5) e a madrugada desta terça-feira. Outras cinco pessoas ficaram feridas. Nenhum suspeito pelos crimes foi preso.
Por volta da 1h, uma chacina deixou três mortos e um ferido em um bar na rua Alberto Buriti, no Jardim Carombé, zona norte.
Segundo a polícia, homens armados atiraram contra as pessoas que estavam no bar e fugiram. Quatro pessoas foram baleadas e levadas aos hospitais Geral de Taipas e Vila Penteado, onde três morreram. 
Na mesma região, três homens foram baleados na rua João Antônio de almeida Viana, no Jardim Guarani, na noite de ontem. Eles foram levados ao Hospital Penteado, mas apenas um sobreviveu.
Dois filhos de um ex-policial da Rota (Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar) foram baleados dentro de um carro na rua Joaquim Afonso de Souza, Vila Celeste, na noite de ontem.
Segundo a polícia, um homem desceu de um táxi e atirou contra os ocupantes do carro, que desceu a rua desgovernado e bateu contra um caminhão estacionado. Os dois filhos do ex-policial foram levados ao pronto-socorro Santana, onde um deles morreu. O terceiro ocupante do carro saiu ileso.
Os três casos foram registrado no 72º Distrito Policial da Vila Penteado. 
Outros dois homens foram encontrados baleados na rua Porto Seguro, na Luz, região central de São Paulo, por volta das 20h. Eles foram levados ao pronto-socorro Santana.
O caso foi registrado no 8º Distrito Policial Brás-Belém.


Postar no Google Plus

About Edilene Amaral

Edilene Ziza do Amaral,carioca doada para o estado da paraíba,filha de Dona Maria Ziza e Sr. José Amaral, mãe dos príncipes Sergio e Levi.Servidora pública do municipio de Sertãozinho-PB,Técnica de Enfermagem da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares, leitora sempre curiosa, automaticamente uma escritora viciada.Sindicalista, filiada ao PMDB, eleitora enjoada e exigente, sem preferência e sem doença por candidatos malas. Não comprada por corruptos Quando escrevo poesias costumo assinar como como Domitila Belém.

0 comentários:

Postar um comentário

Faça o seu comentário.