ATENÇÃO AUTORIDADES DE BELÉM: CHARLATÃO ESTÁ TENTANDO TIRAR R$ 2.000,00 DE UMA IDOSA


Hoje (16/05)fui procurada por uma senhora que queria um conselho. Fiquei um pouco sem graça quando ela iniciou a conversa,pois, de imediato percebi tratar-se de um assunto do qual não sou simpatizante, devido a  crença inviolável que tenho em Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo .
Bem, Dona Z.- Vou chamá-la assim- procurou-me para saber qual conceito tenho sobre um homem que cura pessoas e que mora em Belém, um homem que reside por trás do fórum. Disse-me tratar-se de um "curador", termo coloquial que as pessoas do interior nordestino costumam usar para se referir a um curandeiro. Fiquei logo desconfiada, e disse:
-Dona Z., a senhora me desculpe, mas não dou valor a estes tipos de crenças e não conheço esta pessoa.
Ela ficou um pouco sem jeito, mas resolveu iniciar um relato mais explicado.
-Ele faz anúncio no rádio de Belém. E disse que resolve qualquer problema.Como tenho um filho que bebe muito eu fui procurar este homem. Acabei de chegar de lá. Fui de moto , com V. O curador me disse que meu filho briga com as pessoas quando bebe, e que pode livrar ele do vício,  faz o trabalho por R$ 2.000,00 , mas fora estes R$ 2.000,00 ele me pediu para levar amanhã R$200,00 e três galinhas, para dar incicio ao trabalho. O que você acha?
E eu:- A senhora tem esse dinheiro?! Vai dar esse dinheiro? Vai deixar de almoçar galinha com a sua família para levar para ele?
Ela:- Não, eu não tenho o dinheiro, mas ele mandou eu fazer um empréstimo. Não sei se vou dar esse dinheiro, vim pedir o seu conselho.
Minha gente que está aqui lendo isto, eu fiquei muito p da vida com tal informação. Peguei no telefone muitas vezes pensando em ligar para um amiguinho meu ir saber dessa história miserável, mas ...estou  meio que rancorosa com ele, meio que de mal com o peste, deixei pra lá... Preferi a luz do meu orgulho e levei Dona Z  pra sala onde trabalho, então detonei informações para cima dela:
- A senhora sabia que a tentativa de cura não provada pela ciência  é crime? Pois é sim, e é  tratado pelo art 284 do código penal  que  encaixa o charlatão bem no centro do meio de uma cadeia, viu!
Acredite Dona Z que o alcoolismo é uma doença que só tem cura se o doente tiver vontade de ficar bom, se fizer tratamentos, procurar apoio familiar e psicológico... Ou se o Deus que eu conheço , citado no Salmo 135 versículo 5 - O Deus maior que todos os deuses- operar milagre sobre a vida do dependente do álcool.
Quero vos dizer que senti muito ver a inocência desta senhora. E quero agradecer a Deus por ser uma pessoa da confiança de muita gente que conheço, por isto tive a oportunidade de pedir para que ela não caia nessa. 
Quero alertar as polícias militar e civil, o ministério público, as pessoas da sociedade que têm compromisso com a proteção ao idoso sobre a atuação suspeita do "senhor de Oxossi" . Em plenas costas do fórum de Belém acontecendo certas práticas ilegais chega a ser um atrevimento. É inadimissível que um cara desse tenha a cara de pau de pedir para que uma idosa faça empréstimo para pagar R$ 2.000,00 por algo que ele sequer assumirá ter acordado com ela, caso seja interrogado, quanto mais assinará algum termo de garantia pela cura do filho desta senhora.
Creio que alguém irá se preocupar com isto e ,no melhor dos casos, procurar a residência deste cidadão, não para acender uns toquinhos de velas, mas para lhe dar a boa ideia de parar com seus golpes. Tem dias que a casa cai, e não tem Oxossi que segure o Blog Olho de Mulher na hora de mandar o recado!


DE OLHO NA LEI, GALERA! Código Penal - Decreto Lei 2848/40 Art. 284 - Exercer o curandeirismo: I - prescrevendo, ministrando ou aplicando, habitualmente, qualquer substância; II - usando gestos, palavras ou qualquer outro meio; III - fazendo diagnósticos: Pena - detenção, de seis meses a dois anos.

Postar no Google Plus

About Edilene Amaral

Edilene Ziza do Amaral,carioca doada para o estado da paraíba,filha de Dona Maria Ziza e Sr. José Amaral, mãe dos príncipes Sergio e Levi.Servidora pública do municipio de Sertãozinho-PB,Técnica de Enfermagem da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares, leitora sempre curiosa, automaticamente uma escritora viciada.Sindicalista, filiada ao PMDB, eleitora enjoada e exigente, sem preferência e sem doença por candidatos malas. Não comprada por corruptos Quando escrevo poesias costumo assinar como como Domitila Belém.

0 comentários:

Postar um comentário

Faça o seu comentário.