TARCISIO MARCELO NEGOU HAVER ALIANÇA ENTRE ELE E EDGARD GAMA


Êta vida boa aperriada! Lá vou eu seguindo o caminho que sempre faço de segunda a sexta para chegar à rodoviária: Rua Flávio Ribeiro (voz de Tarcísio no rádio) dobro lá perto de Francisco fotógrafo , pra dar de cara com a casa de Rosa( voz de Tarcísio no rádio) passo pela calçada dos Sales e sempre paquero com o jardim e  os pássaros de coco de Dona Cristina , e mais adiante dobro na Rua Brasiliano da Costa, quando chego perto da casa do Senhor Pedrinho( voz de Tarcísio no rádio) ..E eu avexando as pernas por dois motivos: hoje eu estava atrasada demais e queria ouvir o que Tarcisio amanheceu o dia falando. Cheguei na rodoviária e, bar de Eduardo a dentro, fui logo pedindo:- Dudu, ligue esse rádio aí ,por favor. De lá de casa até aqui ouvi a voz de  Tarcísio em muitas casas e eu não sei nadinha do que se trata , porque eu vinha andando, mas desconfio que só pode ser esclarecimento sobre a aliança ou não aliança com Edgard Gama.
Dudu pá: ligou o rádio. No momento Tarcísio estava falando sobre as partes negativas do governo Dilma que provavelmente irão complicar o objetivo dela em relação a se reeleger, entre elas a insegurança que assola o país e  a transposição do São Francisco empacada.Ele criticou a concentração especial do governo Dilma para as construções dos estádios de futebol que irão fazer o show da copa 2014 , enquanto  o descaso  para com os assuntos do assistencilismo básico se acumulam.Ele citou também outros nomes que poderão disputar a presidência e levar Dilma a ter de encarar o segundo turno em 2014. Puxando a sardinha para o seu time, Tarcísio Marcelo falou sobre a boa aceitação e sobre o excelente trabalho de Eduardo Campos-PSB/PE à frente do governo do Pernambuco.Citou Aécio Neves como um dos nomes fortes do PSDB, representante de um dos maiores colégios eleitorais do Brasil, o estado de Minas Gerais .Também citou  a possibilidade de Marina Silva entrar no cenário dos presidenciáveis mais uma vez.
Em relação  à aliança com o prefeito de Belém, Edgard Gama-PMDB/PB, Tarcísio Marcelo foi contundente e pediu para que não fossem feitas outras interpretações: -Eu me mantenho na mesma posição.Estou fazendo o mesmo trabalho socialista do governador Ricardo Coutinho. Não há aliança com Edgarg Gama neste momento e não há aliança programada para o futuro. No entanto, não estou fechado para não haver diálogos com Edgard Gama assim como não estou fechado para não dialogar com o ex-prefeito Roberto Flávio.
Com palavras mais firmes, ele convidou a quem desejar fazer o trabalho socialista do governador a se unir "conosco".
Tarcísio Marcelo elogiou a atuação dos quatro vereadores da oposição- Fábio Maia, Júnior de Bau, Adriano Miguel e Graça-  de maneira tal que, num espasmo de extrema sinceridade, ousou dizer: -Quem nos dera se nos tempos passados tivéssemos uma oposição assim.
Falou que as fofocas ( não usou o termo especulações...Tá ficando tão malcriadinho) em torno da "falsa aliança" de certa forma tem seu lado positivo ( é o" besta": foi logo se retratando de ter chamado a galera de fofoqueira) por ser  uma dinâmica social que reúne pessoas nos bares, nas praças e torna a interação das pessoas acaloradas, chegando ao ponto de algumas fazerem apostas e todas lançarem suas opiniões.Garantiu que não faz nada às escuras e que, por isto, em qualquer decisão que tomar o povo de Belém saberá.  Para soltar uma agulha, porque quem é do mar não enjoa e muito conhece de agulha, Tarcísio Marcelo disse:- Em trinta e um anos de vida pública desafio qualquer governador ou autoridade política que tenha recebido da minha parte pedidos pessoais, favores para mim. E também garanto que em momento algum tentei puxar o tapete de ninguém...
É evidente que Tarcísio falou diplomaticamente, por não saber o que o futuro, ainda e eternamente intacto, poderá absorver. Em sua fala fica a certeza de que o contexto e as atitudes de um e de outro irão construir não a sua posição, mas a posição de quem ao governador do estado, por via placentária, a ele quiser se chegar. 
Para findar a entrevista, o vice-presidente do PSB de Belém, desejou a todos que a terra seja molhada pelas chuvas e as colheitas sejam de fartura.Lembrou que o mês de maio é o mês de Maria e que, por isto, reúne as pessoas que se identificam no culto à Mãe de Jesus.
Esses são os esclarecimentos dados por Tarcísio Marcelo, através da Rádio Talismã 99.3 FM, na manhã deste 09 de maio, postados no Blog Olho de Mulher.
Passei o dia todinho em Sertãozinho conferindo se estes detalhes estavam fixos na cabeça.Trabalhei com os dedinhos coçando para escrever, porque eu sabia que esta entrevista não estaria em outros blogs da cidade.
Agora vou falar igual um amigo do Facebook: Vamos esperar pra ver!



 .

Postar no Google Plus

About Edilene Amaral

Edilene Ziza do Amaral,carioca doada para o estado da paraíba,filha de Dona Maria Ziza e Sr. José Amaral, mãe dos príncipes Sergio e Levi.Servidora pública do municipio de Sertãozinho-PB,Técnica de Enfermagem da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares, leitora sempre curiosa, automaticamente uma escritora viciada.Sindicalista, filiada ao PMDB, eleitora enjoada e exigente, sem preferência e sem doença por candidatos malas. Não comprada por corruptos Quando escrevo poesias costumo assinar como como Domitila Belém.

0 comentários:

Postar um comentário

Faça o seu comentário.