PMDB DE BELÉM CONFIRMA CANDIDATURA PRÓPRIA


Olhando o Facebook , vi que Renata Chris, esposa do ex-prefeito de Belém, Roberto Flávio, postou fotos de amigos e correligionários que se reuniram com o casal no último dia 15. Em sua postagem, Renata divulgou, com poucas palavras, o consenso do partido: "...o PMDB de Belém decide ter Candidatura Própria para Prefeito de Belém! Queremos Mudança!!!!"
Entusiasta como ela só, Renata não perde a oportunidade de mostrar que tem amigos e que sabe reuni-los, daí o motivo pelo qual quando alguém ousa dizer que O PMDB está rachado ou enfraquecido, ou ousa desacreditar da candidatura própria, por assimilar que o partido não tem base, devido a apenas o vereador Valdo Fernandes ter continuado ao lado de Roberto Flávio pós- rompimento do ex-prefeito com o atual, Edgard Gama,  ela costuma ter na ponta da língua uma das suas frases preferidas: "- Na política, não existe cachorro morto."
Quando o assunto é política, Renata não é "fulô" que se cheire...ela faz qualquer forte temer na base. É uma mulher incansável, cheia de carisma, cheia de fé e com muitos amigos que vestem a camisa e partem para a rua, em busca dos objetivos futuristas. Ao lado do esposo, ela se porta como uma guardiã da cidade de Belém, como se fosse Atena, guardando a Grécia com olhares atentos. É evidente que Renata e Roberto se arrependeram de apoiar e eleger Edgard Gama, por isto, o casal vem para a guerra, e que guerra, meu povo!!!
A campanha em Belém, sem dúvida alguma, vai ser quente...tem Renata botando fogo na fogueira e Roberto soprando gasolina nas brasas.

Postar no Google Plus

About Edilene Amaral

Edilene Ziza do Amaral,carioca doada para o estado da paraíba,filha de Dona Maria Ziza e Sr. José Amaral, mãe dos príncipes Sergio e Levi.Servidora pública do municipio de Sertãozinho-PB,Técnica de Enfermagem da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares, leitora sempre curiosa, automaticamente uma escritora viciada.Sindicalista, filiada ao PMDB, eleitora enjoada e exigente, sem preferência e sem doença por candidatos malas. Não comprada por corruptos Quando escrevo poesias costumo assinar como como Domitila Belém.

0 comentários:

Postar um comentário

Faça o seu comentário.